quarta-feira, 15 de julho de 2009

CANGOTE / CÉU


"Fiz minha casa no teu cangote
Não há neste mundo quem me bote
Pra sair daqui
Te pego sorrindo num pensamento
Faz graça de onde fiz meu achego, meu alento
E nem ligo
Como pode, no silêncio, tudo se explicar?!
Vagarosa, me espreguiço
E o que sinto, feito bocejo, vai pegar"
******
"Cangote", é o último EP de inéditas da paulistana Céu, recém lançado nos EUA pela Six Degrees e já pipoca em blogs especializados na internet. São apenas quatro músicas, mas o repertório inspirado serve como um aperitivo saboroso para os fãs. Cinco anos depois de seu disco de estreia, a dona de uma das mais belas vozes da atualidade, esbanja maturidade em três composições próprias e uma versão pra lá de malemolente para "Visgo de jaca", famosa na interpretação de Martinho da Vila. A produção ficou a cargo da própria Céu com ajuda dos camaradas Beto Villares, Gustavo Lenza e Gui Amabis. Se "Sonâmbulo" traz o acento jamaicano característico de seus gostos musicais, "Bubuia" é o encontro perfeito de poesia com os vocais etéreos de Céu, Anelis Assumpção e Thalma de Freitas.

3 comentários:

Dulce Braga disse...

Deliciosa sonoridade e sutileza vocal !!!!!

Andrea disse...

Eu nunca escutei esta moça. Vou prestar atenção.
Com carinho Monica
Estou indo embora as 11 horas.
Já está quase.
com carinho Monica

bacouca disse...

Lisa,
Vou já espreitar até porque adoro música. Eu digo que a música é o meu eco. E além do mais aqui no seu cantinho vamos sabendo novidades de eventos que se passam aí no Brasil e isso é interessante e alarga nossos horizontes.
Um beijo