sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Haikais

Esta vida é uma viagem
Pena eu estar
Só de passagem.


Amar é um elo
Entre o azul
E o amarelo.


A noite - enorme
Tudo dorme
Menos teu nome.


Pra que cara feia?
Na vida,
Ninguém paga meia.
                                                                                (Paulo Leminski)

3 comentários:

Vanessa disse...

Pois bem...

"Ninguém paga meia"...adorei!

Bjos

Mônica disse...

Lisa
Eu também adorei este poema rimado. Que humor!
Amanha é meu aniversário
com carinho MOnica

Letícia M. disse...

Oi minha querida ...
HAHA como sempreeee tu e teu bom gosto em tudo , textos , musicas , imagens , citaçoes ... Teu blog é um alivio , um sossego ... uma inquietaçao confortante , um bjaao pretinha bom fim de semana!